Skip to content

BRASIL: UM POTE DE OURO NO FIM DO ARCO-IRIS

O Brasil vive um momento muito especial do seu desenvolvimento como nação soberana, em pleno regime democrático.

Sua população de quase 200 milhões de pessoas, representa uma reserva econômica considerável, com uma renda per capita num nível tal, que ainda permite um grande incremento nos próximos  dez anos, resultando em maior consumo e mais enriquecimento.

Um circulo virtuoso, respaldado por um sistema bancário privado e estatal  muito consolidado

 

O que parece uma situação calamitosa é sua obsoleta e insuficiente infra-estrutura de portos, aeroportos, ferrovias, rodovias, o que tem travado a ampliação da produtividade do país, . resultando em baixa competitividade ante os competidores internacionais.

Se por um lado, no presente este estado de coisas se caracteriza como um entrave, o futuro se mostra muito promissor para os investidores nacionais e internacionais que desejem investir na criação de um sistema integrado de logística com trechos de ferrovias e rodovias de mais de 3.000 kilometros em muitas regiões produtoras de alimentos, minerais estratégicos e manufaturados, litoral de mais de 20.000 Kilometros, ideal para um sistema portuario moderno de cabotagem e longo curso, focados  para os mercados interno e externos.

Na area de educação, formal e à distância, há um hiato muito grande, pela escassez de escolas e universidades privadas e estatais em numero suficiente para atender à demanda de técnicos e graduados nos diversos ramos da ciência, que  estejam aptos e motivados a impulsionar uma revolução na educação e na competitividade.

Investimentos neste campo já estão sendo realizados, através de grandes grupos educacionais internacionais, adquirindo grande parte do parque educacional privado do País e instalando-se também no modo green field.

Entretanto, o viés ideológico do partido e dos políticos no poder e na base de partidos aliados, tem provocado atrasos paquidérmicos no processo de privatização (concessões) destes modais de transporte e diversificação dos modelos educacionais dirigidos ao empreendedorismo e a livre iniciativa.

A alternativa a este comportamento ideologico no processo de gestão pública, poderá ocorrer neste ano eleitoral, no qual uma nova coalizão de partidos, permita uma  maior abertura e uma melhor qualificada reforma estrutural da gestão federal e consequentemente, uma aceleração dos investimentos em infra-estrutura, educação e segurança.

Estes serão os campos de grande oportunidade para aplicação de capital de medio prazo  com rentabilidade de longa duração., ideal para investidores em bens de raiz e de capital. 

Este é um país muito peculiar pois, sua extensão territorial é maior que toda Europa, localizado numa posição geográfica que lhe permite, varios climas e micro-climas, que permitem colher safras  de um mesmo produto, em períodos diferentes de um mesmo ano.

Uma região sudeste com um parque industrial moderno, sua região sul dotada de agro-industria trasicional, Centro oeste riquissimo no agro-negócio de cereais e pecuária de corte, Um enorme potencial turístico inexplorado no nordeste e norte , mercê do apelo do sol das praias  e . dos mistérios da selva amazônica.

No campo da segurança, falta uma verdadeira revolução na legislação, atualmente muito permissiva para com a criminalidade e pratica de penas brandas aos criminosos.

Superpopulação e falta de investimentos em sistemas prisionais modernos e seguros, são a fórmula ideal para rebeliões e mais violência, dentro e fora de presidios obsoletos, lotados de meliantes perigosos sem o isolamento ideal com suas quadrilhas do lado de fora.

O deficit de vagas, poderá acelerar o modelo de Parcerias Publico Privadas, via concessões  para empresas especializadas em operação dos novos  presídios dotados de instalações e serviços de segurança e reabilitação, eficazes para o cumprimento de penas exemplares, reduzindo rebeliões e re-educando os internos para a vida em liberdade.

 

Oportunidades é que não faltam a este país ainda jovem nos seus 514 anos, desde sua descoberta por um punhado de navegadores portugueses, rivais dos espanhóis, que aportaram em 1492  no Caribe.

Desde aí estamos em permanente processo de construção num território tão grande e diversificado, onde  toda sua população fala a mesma língua.

 

 

 

 

Hello world!

Welcome to WordPress.com! This is your very first post. Click the Edit link to modify or delete it, or start a new post. If you like, use this post to tell readers why you started this blog and what you plan to do with it.

Happy blogging!